Home»Pelo Mundo»América do Norte»Estados Unidos»Roteiro de 6 dias em Orlando. O que fazer?

Roteiro de 6 dias em Orlando. O que fazer?

0
Shares
Pinterest Google+

Roteiro de 7 dias em Orlando. O que fazer?

ONDE FICAR EM ORLANDO

Durante nossa estadia em Orlando, ficamos no Grande Villas Resort By Diamond Resorts. O hotel é bem indicado para viagens estilo família, já que os quartos são bem grandes, além de uma sala com sofá-cama, uma mini cozinha, banheiro com banheira, e outras facilidades do dia a dia. No nosso caso, com bebê, valeu muito a pena ficar aqui. Sem contar que o atendimento é muito bom. Como ponto negativo, o hotel não disponibiliza café-da-manhã (com geladeira, fogão, cafeteira e microondas no quarto, até que não fez tanta diferença). Além disso, nosso quarto não foi limpo todos os dias. O hotel disponibiliza também um mini-mercado dentro do perímetro, o que ajuda caso precise comprar algo. Se for viajar para Orlando e precisa reservar hotel, confira as tarifas de dezenas de hotéis no booking.com.

RESUMO DA VIAGEM (2017)

  1. Sea World
  2. Magic Kingdom
  3. Animal Kingdom
  4. Magic Kingdom
  5. Outlets
  6. Orlando Science Center

PLANEJANDO SUA VIAGEM?

Reservas em Hoteis Aluguel de Carros Seguro de Viagem Ingressos / Excursões

Se precisar de ajuda planejando sua viagem, podemos ajudar. Clique aqui

ROTEIRO

DIA 1

Roteiro de 7 dias em Orlando. O que fazer?

É difícil tentar sugerir parques específicos em Orlando, pois cada criança se interessa por algo específico e tem sua própria rotina. No caso do Enzo, ele ama animais, então não tinha como não ir ao Sea World.

Caso vá no verão, existem 2 coisas muito importantes para se levar em consideração. A primeira é que o calor é insuportável, principalmente para os bebês. A segunda é que as filas são gigantes na maioria das principais atrações. Justamente por causa dessas duas situações, não fazíamos muito planejamento em relação aos parques. Chegávamos e íamos embora conforme o Enzo ia reagindo ao calor e ao cansaço. Não deixe de levar um carrinho com tapa sol, além de muito filtro solar. O aluguel de carrinho aqui no Sea World custa US$15 caso prefira não trazer. Aliás, existe a possibilidade de aluguel em todos os parques, mas o preço não é barato.

Chegamos ao parque por volta das 11:30. O estacionamento custa US$20. Como sempre sugerimos no blog, não deixe para comprar seus ingressos lá. A fila estava gigante, mas como tínhamos ingressos na mão, entramos sem pegar fila nenhuma.

Assim que entramos fomos direto almoçar no Sharks Underwater Grill. Muito legal. O restaurante não é dos mais baratos, mas o aquário em frente as mesas, com dezenas de tubarões, arraias, entre outros peixes é muito bacana. Enzo ficou perplexo olhando para o tanque o almoço inteiro. Queria porque queria que colocássemos sua cadeirinha bem em frente ao vidro. A comida estava muito boa, apesar de cara. Mas aqui acho que pagamos pelo ambiente mais do que pela comida. Caso anime, faça reserva pois fica lotado.

Depois do almoço, saímos para visitar algumas das atrações do Sea World. Devido as filas gigantes e a idade do Enzo, não existem muitas opções de atrações que você pode ir, então escolha bem.

Não deixe de ir no show da Shamu. Vá também ao local de encontro com as baleias, pois as crianças adoram ficar bem perto delas através do vidro. O túnel dos tubarões também é bem legal. Entretanto, passamos a maior parte do tempo no Shamu Happy Harbor (um parquinho com atrações para crianças pequenas), pois o Enzo podia entrar em várias das atrações. Imperdível para quem tem criança pequena.

Saímos do parque por volta das 19:00, pois o Enzo já estava morto de cansado e fomos direto para o hotel descansar para o próximo dia.

DIA 2

Roteiro de 7 dias em Orlando. O que fazer?

Começamos o dia novamente por volta das 11:00. Depois de pagar mais US$20 de estacionamento, chegamos para retirar o ingresso. Apesar de termos comprado antecipadamente, tivemos que pegar uma fila para retira-los. Apesar do calor e sol na cabeça, a fila anda relativamente rápida. Continua sendo importante comprar antes, pois esse mesmo cartão vale para o outros dias que você for aos parques da Disney, evitando nesses próximos dias as filas de entrada.

É muito importante marcar seu fast-pass antes de ir ao parque, pois isso pode te salvar horas de filas nas principais atrações. Escolha bem, pois quanto antes fizer, mais chance tem de conseguir nas atrações mais famosas.

Selecionamos o primeiro fast-pass para a atração Small World. Aqui você pega um barquinho e embarca “em um passeio fantástico, passando por um alegre conjunto de crianças cantoras de todo o mundo.” Inclusive tem o cenário com as crianças do Brasil. Se tiver criança é uma boa opção, senão, gaste seu fast-pass em outra atração.

Saímos do passeio e fomos almoçar no Tony’s Town Square Restaurant. Para quem se lembra, foi “aqui” que a dama e o vagabundo tiveram seu primeiro beijo, comendo o famoso macarrão. Tem até estátua deles. Com pratos entre US$20 e US$30, o restaurante oferece o melhor da comida italiana. Os pratos vem bem fartos e a comida é muito bem feita. Faça reserva, pois o restaurante fica lotado na hora do almoço.

Depois do almoço passeamos um pouco pelas lojas em Main Street até a hora do famoso desfile da Disney, que acontece as 15:00 na mesma rua. O desfile dura em torno de 15 minutos e as crianças vão ao delírio com os personagens em carros alegóricos. Vale muito a pena assistir, principalmente se eles já reconhecem os personagens.

Saímos do desfile e fomos para nosso segundo fast-pass, que era no Jungle Cruise. Aqui você pega um barco e atravessa os rios da Ásia, África e América do Sul. Bem legal para as crianças que gostam de animais, pois durante todo o percurso você vê animais que parecem de verdade bem perto do barco.

A próxima atração foi a casa da arvore da “Swiss Family” (até porque não tinha fila nenhuma), bem ao lado do Jungle Cruise.

Depois de passear mais um pouco pelo parque, o Enzo já estava bem cansado, então decidimos voltar para o hotel. Caso não precise voltar, não deixe de ver o espetáculo noturno do Magic Kingdom. Muito legal mesmo. O show dura em torno de 18 minutos mas vale muito a pena esperar para ver.

Dia 3

Roteiro de 7 dias em Orlando. O que fazer?

O próximo dia foi para conhecer o Animal Kingdom (que estava lotado, pois foi nesse parque que a Disney instalou as atrações do filme Avatar). Mesmo tentando meses antes, não conseguimos o fast-pass para as atrações de Avatar.

Depois de pagar mais US$20 para estacionar, começamos o dia no nosso primeiro fast-pass, que era no show do Rei Leão. A atração é um musical estilo Broadway para crianças (apesar dos adultos gostarem também). O espetáculo dura em torno de 30 minutos e todas as famosas canções do filme são interpretadas aqui. Sensacional ate para adultos.

Depois seguimos para o Gorilla Falls Exploration Trail. Essa atração lembra um zoológico, na qual os visitantes seguem uma trilha, visitando vários animais em seus habitats, incluindo a grande atração, que são os enormes gorilas. A trilha é bem legal, além de não ter fila. Sem contar que era do lado do nosso próximo fast-pass, no Kilimanjaro Safaris.

O Kilimanjaro Safaris é uma expedição em carro aberto, que dura em torno de 20 minutos, na qual é possível ver animais de verdade. A expedição ocorre em uma área de 44 hectares, que tenta recriar o habitat natural desses animais. No total, existem em torno de 30 animais dentro da área, como por exemplo leões, elefantes, crocodilos, girafas, entre muitos outros. O passeio pode ser feito a noite também, ou dependendo do seu interesse até com um guia particular. Não deixe de ir nessa atração, pra mim a melhor do Animal Kingdom (lembrando que não fui nas atrações do Avatar).

Saindo do Safari fomos almoçar no Pizzafari. Nada demais. Não posso falar dos outros restaurantes, se eram melhores ou piores que esse, mas a pizza aqui (em torno de US$10 – US$13) foi bem comum, diferente dos outros restaurantes que tínhamos ido dentro da Disney até aqui, que estavam muito bom.

A próxima atração foi a Dino-rama, que era ao lado do nosso próximo fast-pass, Procurando Nemo. Essa área é um parquinho com atrações para crianças menores. O Enzo até pode ir em algumas delas. Se estiver com crianças menores, é bem legal passar um tempo aqui.

Logo ao lado da Dino-rama estava Procurando Nemo. Assim como o Rei Leão, o espetáculo é muito legal, tanto para crianças quanto para adultos. O show mostra várias cenas do filmes através de personagens numa mistura de teatro com musical. Imperdível também, principalmente se seu filho(a) gosta do filme. Dura em torno de 40 minutos, mas é tão bom que passa voando.

O Animal Kingdom também tem um show a noite, que se chama Rivers of Light, mas não ficamos, pois depois de Procurando Nemo voltamos para o hotel com o Enzo.

Dia 4

Roteiro de 7 dias em Orlando. O que fazer?

Voltamos para mais um dia no Magic Kingdom, pois esse é o parque mais indicado para crianças menores. Como era outro dia, tínhamos direito a mais fast-pass, que usamos em atrações diferentes.

Depois de pagar mais US$20 no estacionamento, fomos direto para o nosso primeiro fast-pass, que era no Mickey’s Philhar Magic. Essa atração é um filme em 3D, que mostra cenas e músicas de vários dos filmes da Disney. As crianças gostaram tanto que fomos duas vezes.

Novamente almoçamos no Tony’s Town Square Restaurant. Muito bom. Comida Italiana clássica. Novamente, não esqueça de fazer reserva pois fica lotado durante o almoço.

Depois de andar mais um pouco pelas lojas de Main Street e re-assistir a parada da Disney fomos para nossa última atração nos parques, que foi o Tomorrowland Speedway. Se seu filho(a) gosta do filme Carros, não deixe de ir aqui. O trajeto tem em torno de 0.4 milhas, e as crianças sentem que estão dirigindo de verdade, apesar dos carrinhos serem anexados a uma plataforma na pista, evitando sair do traçado. Acho que foi o preferido do Enzo, pois ele adora carrinho, motos, etc. Chorou demais na hora que o tiramos do carro.

Novamente não ficamos para o espetáculo noturno do Magic Kingdom, mas como dissemos antes, se puder não deixe de ir, pois é muito legal, principalmente os fogos de artifícios.

Dia 5

Tiramos o penúltimo dia para fazer as compras em Orlando. Caso não vá com crianças você não precisa fazer isso, pois os outlets ficam aberto até mais tarde. No nosso caso preferimos ir durante o dia, pois a noite queríamos ficar no hotel com o Enzo, sem correria e pressa, até porque já fomos antes em todos os parques.

Tomamos café no famoso IHOP e partimos em direção ao Outlet (Orlando tem 2 grandes outlets). Fomos no Orlando International Premium Outlets, mas o outro é tão bom quanto.

Como dica, é importante mencionar para que procure antecipadamente na internet cupons com descontos, pois alguma lojas, além de já ter preços bem em conta, proporcionam mais desconto através de cupons complementares.

Outra dica importante; praticamente toda loja tem o saldo do outlet, na qual o preço é ainda mais em conta. É só procurar (geralmente ficam no fundo da loja) que la têm promoções ainda melhores.

A noite jantamos no Olive Garden. Se você gosta de comida Italiana, não deixe de experimentar esse restaurante. Uma franquia gigante nos Estados Unidos (no Brasil só tem 2 unidades em SP). O restaurante é bem em conta e a comida é muito boa.

Dia 6

Nosso último dia em Orlando foi muito legal. O Science Center de Orlando foi um achado, especialmente se você tem criança. O Enzo adorou aqui; não queria ir embora de jeito nenhum.

Situado em um prédio de 4 andares, o que não falta são atrações para as crianças. Entre as exibições mais legais estão a NatureWorks (exibição de répteis), DinoDigs (uma área super legal com fosseis de dinossauros, e até um  espaço de simulação para escavar possíveis fosseis), entre muitos outros. Entretanto, nada se compara ao KidsTown, que é uma área enorme dedicada a brinquedos e atrações de tudo quanto é tipo para crianças. Muito legal mesmo. Os ingressos custam US$20,95 para adultos e crianças ate 2 anos entram de graça.

Dá para passar o dia inteiro lá. Entretanto, tome cuidado pois não tem restaurante dentro, somente um SUBWAY. Mas você pode levar comidas e bebidas.

PLANEJANDO SUA VIAGEM?

Reservas em Hoteis Aluguel de Carros Seguro de Viagem Ingressos / Excursões

 

No Comment

Leave a reply