Home»Pelo Mundo»América do Sul»Chile»Roteiro de 2 dias em Santiago. O que fazer?

Roteiro de 2 dias em Santiago. O que fazer?

0
Shares
Pinterest Google+

Roteiro de 2 dias em Santiago. O que fazer?

ONDE FICAR EM SANTIAGO

Ficamos no Mercure, literalmente em frente ao Cerro Santa Lucia, um dos principais pontos turísticos de Santiago. Hotel padrão Mercure. Não é nenhum 5 estrelas mas é muito bom em qualquer lugar do mundo.  Pela tarifa e localização achamos que valeu bem a pena. Confira as tarifas do Mercure, ou se preferir, confira a tarifa de vários outros hotéis em Santiago no Booking.com.

RESUMO DA VIAGEM (2010)

  1. Cerro Santa Lucia / Cerro San Cristóbal
  2. Palácio La Moneda / Museo Chileno de Arte Precolombino / Plaza de Armas / Catedral / Museo Histórico Nacional / Mercado Central

PLANEJANDO SUA VIAGEM?

Reservas em Hoteis Aluguel de Carros Seguro de Viagem Ingressos / Excursões

ROTEIRO DA VIAGEM

DIA 1

Roteiro de 2 dias em Santiago. O que fazer?

Começamos nossa viagem pelo Cerro Santa Lucia, já que era situado do outro lado da rua do Hotel. Bem legal o Cerro. Vá de tênis, pois as subidas são íngremes e tem muita escada para chegar ao topo, mas com certeza vale a pena.

Próxima parada foi o principal ponto turístico de Santiago, o Cerro San Cristóbal.  O Cerro é o segundo lugar mais alto de Santiago, localizado a 880 metros de altura. Para subir ao topo você pode pegar o funicular ou ir andando pelas trilhas. O Cerro San Cristóbal abriga muitas atrações, entre elas o Zoológico Nacional do Chile e a imagem da Virgen de la Inmaculada Concepción, em homenagem a celebração da missa feita pelo Papa João Paulo II quando esteve na cidade nos anos 80. Entretanto, nada se compara a vista do alto do Cerro. Sensacional.

A noite fomos jantar no restaurante japonês Ichiban. Comida muito boa. Se você gosta de comida japonesa essa é um ótima opção.

DIA 2

Roteiro de 2 dias em Santiago. O que fazer?

Começamos o dia pelo Palácio La Moneda. Só visitamos pelo lado de fora, mas existem visitas guiadas pelo Palácio caso tenham interesse.

De lá fomos para Museo Chileno de Arte Precolombino, na direção da Plaza de Armas. O Museo não é tão grande mas é bem legal, vale a pena a parada lá.

Ao sair do Museo você já está praticamente na Plaza de Armas. Ao redor da Plaza visitamos a Catedral e o Museo Histórico Nacional.

A seguir fomos direto conhecer o Mercado Central. Imperdível para qualquer amante de boa gastronomia. Dentro do Mercado existem varias opções de restaurantes, principalmente de frutos-do-mar. Não fomos em nenhum, somente paramos lá para conhecer mesmo.

Voltamos para o hotel e saímos para jantar no Restaurante Giratório. A vista do lugar é espetacular, mas não gostamos muito da comida (bem normal, nada demais), principalmente porque o preço não é tão em conta.

Se precisar de ajuda planejando sua viagem, podemos ajudar. Clique aqui

 

No Comment

Leave a reply